EN 1090 - Marcação CE de Produtos de Construção

OBJETIVOS

No final da ação os formandos deverão ser capazes de:

1. Conhecer os requisitos da norma harmonizada aplicável ao seu tipo de construção metálica/produto;2. Identificar os pontos relevantes para implementar o controlo interno de produção (CPF).

DESTINATÁRIOS

Responsáveis de serralharias e outras empresas com fabrico de estruturas metálicas para edifícios. Técnicos de empresas de construção civil,Técnicos de metalomecânicas na área das estruturas metálicas, responsáveis pela gestão das compras.

 

PROGRAMA

REGULAMENTO DOS PRODUTOS DA CONSTRUÇÃO Nº 305/2011

- Enquadramento do portefólio de conformidade do fabricante com a EN 1090-1 (Marcação CE nos componentes / estruturas fabricadas).

OBJETIVOS E PRINCÍPIOS DA EN 1090-1 — REQUISITOS PARA AVALIAÇÃO DA CONFORMIDADE

- Métodos de avaliação;

- Avaliação da Conformidade (esquemas/processos de avaliação aplicáveis consoante o tipo de estrutura/classe).

CONTROLO DE PRODUÇÃO NO FABRICO (CPF) – EN 1090-2

- Procedimentos de controlo de produção (Especificação de Componente, Plano de inspeção e ensaio, procedimentos de fabrico, etc.);

- Introdução às Classes de Execução vs Qualificação de Processos;

- Qualificação de processos de fabrico:

- Processos de corte e conformação;

- Requisitos dos processos de soldadura segundo a EN 1090-2 vs ISO 3834 - Registos e rastreabilidade;

- Requisitos de inspeção a fornecedores e/ou qualificação de subcontratos em função dos referenciais normativos e produtos fornecidos;

- Manutenção do CPF (após Inspeção / auditoria inicial e durante inspeções de rotina à fábrica);

CASOS PRÁTICOS - PROCESSO DE “MARCAÇÃO CE” DE PRODUTOS DE CONSTRUÇÃO (*)

(*) Se o desejarem, as empresas poderão apresentar os seus casos no âmbito da EN 1090

 

ORGANIZAÇÃO DA FORMAÇÃO

Formação Presencial

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO

Avaliação contínua, através de indicadores como participação, interesse demonstrado, capacidade de aprendizagem. Provas e/ou trabalhos propostos pelo formador e realizados no decorrer da formação. 

30 de novembro de 2017 | 9:00 às 17:00

CARGA HORÁRIA | HORÁRIO | LOCAL

7 Horas | Das 09:30 às 17:30 | CATIM – Porto

PREÇO

Sócio CATIM – 104€ | Sócio AIMMAP – 117€ | Não sócio - 130€

Formação Isenta de IVA

 

Duração/Local: 
7 Horas, Porto
Horário: 
Laboral
Data: 
Quinta, 30 Novembro, 2017

Missão

O CATIM, centro de apoio tecnológico à indústria metalomecânica é uma instituição privada de utilidade pública sem fins lucrativos, que resultou da associação de interesses, de empresas industriais e respectivas associações com organismos públicos.

Foi criado no âmbito do Decreto-Lei n.º 249/86 de 25 de Agosto, com as alterações que lhe foram introduzidas pelo D.L. 312/95 de 29 de Novembro e registado como Instituição de Utilidade Pública, conforme publicação no Diário da República n.º 15, II série de 87-01-19, na Conservatória do Registo Comercial do Porto, Matricula N.º 2, detentor do número de contribuinte n.º 501 630 473.

 A sua Missão é a de contribuir para a inovação e competitividade das indústrias nacionais da metalomecânica e sectores afins ou complementares.

 

 

Serviços

da indústria para a indústria

Catim